Na mesma direção

Desde a década de 90, os Conselhos Federal e Regionais de Contabilidade organizam-se como um Sistema. Com a evolução e o aprimoramento desse conceito, que envolve planejar e executar ações em conjunto, em 2007, o Sistema CFC/CRCs instituiu o seu Planejamento Estratégico. Por meio dele, foram definidos os objetivos estratégicos e os rumos organizacionais, na busca da convergência de todos os conselhos de Contabilidade. Desde então, os conselhos têm adotado ações estratégicas com vistas a alcançar sua visão de futuro até o ano de 2017.

Nesse planejamento, a missão do Sistema CFC/CRCs é “Promover o desenvolvimento da Profissão Contábil, primando pela ética e qualidade na prestação dos serviços, atuando como fator de proteção da sociedade”. Para cumprir com essa missão, foram definidos diversos objetivos estratégicos, que são mensurados regularmente. Um deles é “Influenciar na formação das competências e das habilidades do profissional e fomentar programas de Educação Continuada”. Esse objetivo foi definido em 2007. Por isso, ele espelha uma visão inovadora e prognóstica do Sistema CFC/CRCs, pois, à época, as atribuições dos conselhos definidas no Decreto-Lei 9.295/1946 incluíam somente o registro e a fiscalização, tendo a educação profissional continuada sido inserida por meio da Lei nº 12.249/2010.

Mais prognóstica ainda foi a visão do CRCMG ao lançar, em 2000, a Revista Mineira de Contabilidade, que hoje já está em sua 54ª edição. Além dos diversos cursos e eventos que o Conselho Regional de Contabilidade de Minas Gerais já desenvolve, por meio desta Revista, ele estimula a produção técnica e científica e, assim, cumpre com o seu objetivo de influenciar na formação das competências e das habilidades do profissional. Além de proporcionar o aprendizado àqueles que lêem os artigos, o registro das pesquisas, nesta Revista, ainda impulsiona outras pesquisas, pois qualquer trabalho científico precisa ser embasado na literatura da área e dialogar com outras pesquisas já realizadas ou em andamento.

Portanto, tão grande quanto a responsabilidade do CRCMG em editar esse canal de publicação de conhecimento, é a responsabilidade dos autores, que disponibilizam os resultados de amplas e árduas pesquisas desenvolvidas, muitas vezes por longos anos. Eles, portanto, ajudam-nos a irmos em direção aos nossos objetivos estratégicos e, assim, a atingirmos a visão que definimos no Planejamento Estratégico. Trata-se de uma via de mão dupla: aqueles que trabalham no desenvolvimento da profissão contábil também nos ajudam a, cada vez mais, desenvolvermos nossa profissão, pois contribuem para o aprimoramento das Ciências Contábeis e, assim, indiretamente, também para o aprimoramento daqueles que buscam, nos textos teóricos, formas de melhorar suas competências e habilidades.

Por ser grande essa responsabilidade, os artigos a serem publicados nesta Revista passam pelo crivo de um competente Conselho Editorial. Dando continuidade ao trabalho que já vinha sendo desenvolvido, neste ano, foi nomeado novo Conselho Editorial da RMC, que está trabalhando para manter e padrão de qualidade e buscar, cada vez mais, a melhoria. O trabalho conjunto, portanto, é o que faz desta Revista referência na produção científica do nosso estado. É a mesma tônica do Planejamento Estratégico do Sistema CFC/CRCs: agir em conjunto em direção a um objetivo. Estamos felizes que muitos profissionais estejam, também caminhando em direção ao desenvolvimento da Profissão Contábil e agradecemos a todos aqueles que buscam fazer de cada pesquisa uma forma de contribuir para algo maior: a melhoria de nossa Ciência Contábil.

AUTOR: MARCO AURÉLIO CUNHA DE ALMEIDA É SÓCIO DIRETOR DO GRUPO ORPLAN E PRESIDENTE DO CRCMG